Trabalhadores da Engie aguardam prosseguimento das negociações

Compartilhe este conteúdo

Intersul busca vencer intransigência com argumentações e disposição para o diálogo

Nas primeiras rodadas de negociação do ACT 2019/20, realizadas durante o mês de outubro entre os representantes da ENGIE e dos Sindicatos da Intersul, a Empresa se mostrou intransigente negando todas as cláusulas sociais da pauta de reivindicações apresentada e não querendo avançar na proposta econômica, no primeiro momento.

Mas, a partir da apresentação das razões e argumentações dos dirigentes da Intersul, a Empresa se comprometeu em mesa, a reanalisar as cláusulas e apresentar respostas para algumas das reivindicações na próxima reunião de negociação, prevista para dia 07/11.

Apesar de ter ficado claro, na exposição dos dirigentes da Intersul, que a correção das faixas salariais (tabela) do PCR pelos mesmos índices aplicados aos salários é uma questão fundamental para fechamento do ACT deste ano, a empresa tem mantido sua posição inflexível e contrária ao anseio dos/as empregados/as que veem suas carreiras sendo “achatadas” nas últimas duas datas base em função da não correção das faixas. O entendimento da ENGIE tem sido explicitado com veemência por seus representantes na mesa de negociação.

Em relação à Pauta da ENGIE os dirigentes sindicais apresentaram resposta a algumas das reivindicações e informaram que estão analisando outras e seus reflexos no ACT. Em especial, no que diz respeito à proposta de mudança do atual regime de turno para a jornada de 6 horas, a Intersul formalizou no dia 24/10 a posição apresentada em mesa, de que a atual clausula relativa a sistemática de turno de revezamento seja renovada na íntegra e que a negociação do tema se dê em separado no decorrer da vigência do novo ACT onde poderão ser discutidas sem nenhum açodamento as alternativas que possam atender os interesses manifestados pela Empresa, bem como dos empregados abrangidos pela clausula.

Novos desdobramentos e informações sobre a negociação do ACT 2019/20 dos trabalhadores da ENGIE nas próximas edições, após a reunião de negociação do dia 07/11.

Print Friendly, PDF & Email

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *