Demissão de dirigente sindical gera protestos

Compartilhe este conteúdo

Chesf demite dirigente sindical por participar de ato em defesa das empresas públicas

Numa clara violação à liberdade de atuação sin­dical, a direção da Companhia Hidrelétrica do São Francisco (Chesf) demitiu, nessa quarta-feira (12), um dirigente do Sindicato dos Urbanitários de Per­nambuco (Sindurb-PE) pela participação em um ato, no dia do aniversário da empresa, contra a pri­vatização da Chesf.

O Coletivo Nacional dos Eletricitários (CNE) se manifestou sobre a prática antissindical e também encaminhou uma correspondência à diretora de Administração da Eletrobras, Aracilba Alves Ro­cha, cobrando pela falta de intervenção da direção da estatal e pedindo providências. “Este clima de perseguição que hoje se institui na Chesf, na base de Pernambuco, pode ser um precedente perigo­so para os trabalhadores de outras empresas do Sistema. Portanto, todos os sindicatos devem ficar atentos e mobilizados para denunciar esse tipo de atitude”, disse o CNE por meio de nota.

Em vários locais, atos de protesto contra a pos­tura da empresa e em defesa do companheiro fo­ram realizados, demonstrando união da categoria contra os desmandos e ataques contra a classe trabalhadora.

 

Print Friendly, PDF & Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *