Resistência no Senado trava privatização da Eletrobras

Compartilhe este conteúdo

Projeto encaminhado pelo Governo tem resistência

Encaminhado pelo Governo à Câmara de Deputados, o projeto de privatização da Eletrobras está parado por resistência dos Senadores. Segundo matéria do jornal Valor Econômico, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia aguarda articuladores do governo convencerem Senadores da necessidade da privatização da Estatal. Ainda segundo a publicação, Maia considera ter votos suficientes para aprovar a privatização na Câmara, mas que não assumirá o desgaste se não houver apoio no Senado.

O presidente do Senado, Davi Alcolumbre, já manifestou que há resistência na casa – principalmente de Senadores do Norte e Nordeste – e que travará o projeto se aprovado na Câmara. Os sindicatos da Intersul e os trabalhadores da Eletrosul querem saber: e os deputados e senadores catarinenses? Vão defender o patrimônio público ou vão vender o Brasil?

Print Friendly, PDF & Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *