Notas curtas

Compartilhe este conteúdo
  • Mesmo após diversas solicitações dos sindicatos acerca da contratação de atendentes na Celesc, as chamadas são muito demoradas – isso porque ainda não possuem o treinamento inicial, é na caroninha. Mais dois trabalhadores foram afastados por motivos de saúde mental, na mesma COAT em que outras duas trabalhadoras adoeceram pela inoperância gerencial da Celesc quando o assunto é saúde mental. A diretoria não vê isso? Precisamos de mais atendentes e precisamos cuidar da saúde mental, já que os levantamentos realizados durante vários anos pelo programa Vida Viva foram cancelados pela atual diretoria, descumprindo o item 7 do Acordo Judicial da ACP de Saúde e Segurança.

  • Na semana passada, a denúncia que o Sinergia fez no Comitê de Ética sobre gerente que praticava assédio moral com trabalhadores completou sete meses, ainda sem resposta. Além de enfrentarem problemas de saúde decorrentes do episódio, as vítimas ainda terão de enfrentar a Justiça para que haja providências? Quando a denúncia é contra trabalhadores, o procedimento costuma ser rápido.
Print Friendly, PDF & Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *