Anapar se manifesta sobre as eleições presidenciais

Compartilhe este conteúdo

Entidade se posiciona contra privatização da previdência

A Associação Nacional dos Fundos de Pensão divulgou nota sobre as eleições presidenciais, se posicionando entre os dois projetos representados por Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT). Ressaltando que existem hoje 35 milhões de brasileiros idosos ou incapacitados para o trabalho recebendo benefícios mensais da seguridade social, a Anapar considera que o equilíbrio da seguridade social está ameaçado pela revogação de direitos trabalhistas e pelo aumento do trabalho informal, que reduzem o número de trabalhadores contribuintes para a previdência.

“Refutamos as propostas de reforma da previdência que ferem direitos dos trabalhadores, reduzem benefícios e impedem a aposentadoria de milhões de brasileiros pela implantação de idade mínima superior à expectativa de vida da população mais carente. A associação também se manifestou contra a privatização e capitalização da previdência social.

Para a Anapar, “candidaturas que defendem cortes de direitos, redução de investimentos públicos em infraestrutura e programas sociais só vão deteriorar ainda mais as perspectivas da economia e da valorização do trabalho”. “A candidatura presidencial que tem maior afinidade com estas nossas preocupações é a de Haddad e Manuela, que merece nosso apoio. Do outro lado, Bolsonaro aprovou a reforma trabalhista, ataca os direitos sociais, defende a reforma e privatização da previdência, incita a violência e a intolerância e não respeita os princípios democráticos. Nele não podemos votar”, conclui a nota.

Print Friendly, PDF & Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *