Intersul se reúne com o novo presidente da Eletrosul

Compartilhe este conteúdo

Sindicatos que compõem a Intersul cumprem seu papel na busca pelas boas relações institucionais

Dirigentes dos sindicatos que compõem a Intersul estiveram na manhã do dia 02/08 reunidos com o Presidente da Eletrosul, Sr. Antonio Carlos Krieger, acompanhado do Diretor Administrativo, Jorge Mendes e assessores da DA e PRE. O encontro foi solicitado pela Intersul assim que a posse do novo Presidente foi anunciada pela empresa aos empregados.

Os sindicalistas foram externar ao Presidente as suas preocupações e apreensões do corpo funcional vivenciadas neste momento em que importantes mudanças  estão ocorrendo no âmbito da empresa, que afetam as condições e as relações de trabalho. Como não poderia deixar de ser, um dos principais temas abordados foi o processo de incorporação da Eletrosul pela Cgtee.

A coordenação da Intersul informou ao Presidente sobre a Representação dos sindicatos junto ao Ministério Público Federal solicitando análise do processo e eventual instauração de Ação Civil Pública questionando a forma de incorporação. A Intersul também aproveitou o momento para reforçar o pedido de informações protocolado na empresa, com base em decisão judicial proferida em Mandado de Segurança concedido em favor da Intersul.

Outros temas igualmente importantes para os trabalhadores foram abordados rapidamente por se tratar de uma reunião de apresentações que durou cerca de 1 hora apenas, devido a outros compromissos na agenda do Presidente.

No entanto, os dirigentes sindicais manifestaram a disposição da Intersul, para a qualquer tempo, voltar a dialogar sobre todos os temas que são caros aos trabalhadores na expectativa de uma boa relação institucional com a Direção da Eletrosul. Por outro lado, os dirigentes da Intersul avaliaram como positiva as primeiras impressões causadas pela manifestação do Presidente, já na abertura da reunião, quando se apresentou, fazendo um breve histórico de sua carreira militar e suas qualificações para a função que passa a desempenhar.

O Presidente afirmou que se dispôs a ocupar o cargo pondo a disposição suas experiências e conhecimentos de gestão, no entanto, não veio para a Eletrosul com uma incumbência específica de promover a privatização, questão que na sua avaliação deve ser objeto de decisão que compete exclusivamente ao Congresso Nacional.

Outra boa impressão, causou também a afirmação do Presidente, de que reconhece e valoriza o serviço prestado pelas representações sindicais, na medida em que propicia o debate e as melhores soluções para as questões que envolvem os trabalhadores e a própria sociedade em geral.

A Intersul espera que estas impressões se confirmem e que as boas relações institucionais rendam frutos na defesa dos interesses de seus representados e do patrimônio público.

Print Friendly, PDF & Email

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *